Adventistas do Sétimo Dia – Movimento de Reforma

Veremos o rei em sua beleza

Se você sentir um espírito de conflito com alguém, simplesmente saia para algum lugar e fale do amor de Cristo a pessoas que necessitem de um testemunho em favor da verdade. Fale da amabilidade de Cristo, e o mau espírito que estava em seu coração se afastará. Necessitamos de uma experiência em vencer o inimigo e em apegar-nos Àquele que é poderoso. Não podemos arriscar-nos a perder a vida eterna. 

Devo dizer-lhe que precisamos ir em busca do Céu, orar por ele, trabalhar por ele. Não podemos, com nossos traços de caráter não convertidos, deslizar para dentro do Céu. …

Não gaste tempo em polêmica com aqueles que apresentam objeções, pois o inimigo sugerirá a essas mentes o suficiente para fazer com que você ocupe seu tempo em combatê-los. Sua força deve conservar-se para aquilo que é positivo. Quando o diabo encontrou a Cristo no deserto, Jesus não começou a debater com ele. Satanás O tentou a realizar um milagre para produzir pão. Tivesse Cristo feito isso, teria dado ao inimigo uma decidida vantagem, pois Satanás poderia ter mostrado uma evidência semelhante de seu próprio poder. … 

Assim, hoje, se as pessoas lhe levarem objeções à verdade, e tentarem provocá-lo, não se agite. Conserve-se na trilha positiva. Afirme a verdade: “Assim diz o Senhor” e permita-me dizer-lhe que o inimigo desejará sair logo de sua presença. … 

Ponhamos de lado as armas de guerra que o inimigo gostaria que usássemos. Comecemos a trabalhar com seriedade para vencer nossas tendências herdadas e cultivadas para o mal. Pleiteemos com Deus para que remova de nós a ímpia propensão para apontar defeitos e, em seu lugar, dar-nos a vida e o amor de Cristo. … 

Temos um Céu a ganhar e Cristo deseja que o tenhamos. Ele morreu para que pudéssemos tê-lo. Toda pessoa que é salva no reino de Deus dará glória a Ele e não a algum ser humano. Cristo abrirá para nós os áureos portais. Convidar-nos-á para que entremos. … 

E devemos entrar no Céu aqui embaixo, ou nunca entraremos no Céu do futuro. Exatamente aqui, na Terra, devemos começar a viver a vida de Cristo, e então ela será um Céu para você e um Céu para aqueles que se relacionam com você. … E por fim você verá o Rei em Sua beleza, contemplar-Lhe-á os incomparáveis atrativos e, tangendo a harpa de ouro, encherá o Céu com melodiosa música e cânticos ao Cordeiro. — Manuscrito 97, 1906.

COMENTARIOS RECENTES

    MORADA POSTAL

    Apartado 2400
    1109-001 LISBOA
    Website: http://www.asdmr.org
    Email: Clique aqui
    Este site usa cookies. Ao utilizar o site, está concordar com a utilização que fazemos das mesmas. Quer saber mais sobre cookies?