Adventistas do Sétimo Dia – Movimento de Reforma

Um apelo às pessoas que estão no Vale da Decisão

Multidões, multidões no Vale da Decisão! Porque o dia do Senhor está perto, no Vale da Decisão (Joel 3:14).

O inimigo tem dito a vocês para esperarem uma oportunidade mais conveniente. Ele se aproxima com seus artifícios, apresentando as vantagens que vocês teriam se não guardassem o sábado, e as desvantagens que resultariam de guardá-lo. Preparou essas diversas desculpas para induzir vocês a não tomarem a decisão de obedecerem à Lei de Deus. Ele é enganador. Falsifica o caráter de Deus, e vocês ainda aceitam a tentação. Todas as suas hipóteses demonstram que vocês têm falta de confiança no Pai celestial.
Pensam vocês que, depois de terem alcançado certa prosperidade em seus negócios, poderiam obedecer ao sábado do quarto mandamento. Mas o Senhor reclama de cada um de Seus súditos obediência absoluta. Foram apresentados os reclamos divinos a vocês, e vocês têm imposto a Deus condições. E em todo o tempo Satanás tem agido para tornar cada vez mais impossível, à medida que vocês pensam sobre o assunto, a sua decisão de guardar o sábado. […] Assim que sua mente for colocada em conformidade com a vontade de Deus, para obedecer aos Seus mandamentos, acham que o Senhor não cuidará de vocês e de seus interesses seculares? Vocês estão quase convencidos, mas não chegam ao ponto de obedecerem. Acham que irão esperar até que a situação fique mais clara. O Senhor deixou com todo ser humano a responsabilidade por sua própria maneira de agir. Devem as exigências divinas ter o primeiro lugar na reflexão de vocês. Seu primeiro dever é a obediência a Deus. Vocês deveriam deixar todas as consequências sob a direção divina. Vocês têm vacilado por não reconhecerem agora a forte persuasão que uma vez já tiveram, mas sob a qual não se renderam. Não devem esperar outra persuasão tão profunda. Vocês terão que obedecer a Deus e tomar sua decisão em favor da verdade, quer sintam, quer não. O que devem fazer agora é agir decididamente por princípio a fim de tomar sua decisão sem levar em conta as consequências. — Carta 72, 1893.

Deixe uma resposta

COMENTARIOS RECENTES

    MORADA POSTAL

    Apartado 2400
    1109-001 LISBOA
    Website: http://www.asdmr.org
    Email: Clique aqui
    Este site usa cookies. Ao utilizar o site, está concordar com a utilização que fazemos das mesmas. Quer saber mais sobre cookies?