Adventistas do Sétimo Dia – Movimento de Reforma

Todos podem conhecer a Deus

Jesus Cristo é a nossa pedra de toque espiritual. Ele revela o Pai. … A mente deve estar preparada para apreciar a obra e as palavras de Cristo, pois Ele veio do Céu para despertar o desejo e dar o pão da vida a todos os que têm fome de conhecimento espiritual. A Inspiração declara que Sua missão era pregar o evangelho aos pobres e proclamar o ano aceitável do Senhor. Sua Palavra afirma que Ele viria estabelecer o juízo sobre a Terra, e que as ilhas do mar deveriam aguardar Sua lei; que os gentios se encaminhariam para a Sua luz e os reis ao resplendor que nasceria. Esse era o Mensageiro do Concerto ainda por vir, o Filho da Justiça a surgir sobre o nosso mundo. 

Adão e Eva foram formados à imagem de Deus. Mas Satanás trabalhou constantemente para destruir a semelhança divina. O santo par cedeu à tentação e a imagem de Deus foi obliterada. Cristo pôs mãos à obra pela segunda vez. Recriaria os seres humanos. Quando chegou a plenitude do tempo, Deus enviou Seu Filho. “Ouvi, ó céus, e dá ouvidos, ó terra.” Isaías 1:2. O indicado Instrutor aparece, e não é outro senão o Filho de Deus; Sua divindade fora revestida com a humanidade. 

Cristo veio para revelar perfeição em meio à imperfeição de um mundo corrompido pela desobediência e o pecado. O Verbo eterno apareceu em forma humana, trazendo consigo toda graça, cura e eficiência. Trouxe consigo o Pão da vida que, recebido, será para nós como árvore de vida. A Palavra inspirada declara desse Mestre: “Disse, na verdade, Moisés: O Senhor Deus vos suscitará dentre vossos irmãos um profeta semelhante a mim; a Ele ouvireis em tudo quanto vos disser. Acontecerá que toda alma que não ouvir a esse profeta será exterminada do meio do povo.” Atos dos Apóstolos 3:22. 

A questão de como obter o conhecimento de Deus é para todos uma questão de vida ou morte. Leia a oração de Cristo a Seu Pai, a qual não se destinava a ser meramente uma importante lição para a educação dos discípulos, mas perduraria ao longo do tempo para benefício daqueles que lessem os escritos inspirados. “Pai”, orou Ele, “é chegada a hora; glorifica a Teu Filho, para que o Filho Te glorifique a Ti, assim como Lhe conferiste autoridade sobre toda a carne, a fim de que Ele conceda a vida eterna a todos os que Lhe deste. E a vida eterna é esta: que Te conheçam a Ti, o único Deus verdadeiro, e a Jesus Cristo, a quem enviaste.” João 17:1-3. — Manuscrito 15, 1898. 

COMENTARIOS RECENTES

    MORADA POSTAL

    Apartado 2400
    1109-001 LISBOA
    Website: http://www.asdmr.org
    Email: Clique aqui
    Este site usa cookies. Ao utilizar o site, está concordar com a utilização que fazemos das mesmas. Quer saber mais sobre cookies?