Adventistas do Sétimo Dia – Movimento de Reforma

Toda revelação nas escrituras vem de Cristo

A Bíblia toda é uma revelação, pois toda revelação aos seres humanos vem por intermédio de Cristo e nEle se centraliza. Deus tem falado a nós por meio de Seu Filho, a quem pertencemos pela criação e redenção. Cristo foi até João, exilado na ilha de Patmos, a fim de dar-lhe a verdade para estes últimos dias, para mostrar-lhe aquilo que em breve há de suceder. Jesus Cristo é o grande penhor da divina revelação. É por meio dEle que temos conhecimento daquilo que devemos esperar nas cenas finais da história terrestre. … 

João, o discípulo amado, foi o escolhido para receber essa revelação. Ele foi o último sobrevivente dos primeiros discípulos escolhidos. Sob a dispensação do Novo Testamento, foi honrado como o profeta Daniel fora honrado sob a dispensação do Antigo Testamento. 

A instrução a ser transmitida a João era tão importante, que Cristo veio do Céu para dá-la a Seu servo, ordenando-lhe que a enviasse às igrejas. Essa instrução deve ser objeto de nosso cuidadoso estudo, acompanhado de oração, pois estamos vivendo num tempo em que as pessoas que não se encontram sob o ensino do Espírito Santo introduzirão falsas teorias. … 

Após a passagem do tempo [1844], Deus confiou a Seus fiéis seguidores os preciosos princípios da verdade presente. … Aqueles que passaram por essas experiências devem ser firmes como uma rocha aos princípios que nos tornaram adventistas do sétimo dia. … Aqueles que tomaram parte no estabelecimento de nossa obra sobre o alicerce da verdade bíblica, aqueles que conhecem a sinalização que indica a senda verdadeira, devem ser considerados obreiros do mais alto valor. Podem falar por experiência pessoal acerca das verdades que lhes foram confiadas. Esses obreiros não devem permitir que sua fé se transforme em infidelidade; não devem permitir que seja levada de suas mãos a bandeira do terceiro anjo. Devem manter o princípio de sua confiança firme até o fim. 

O Senhor declarou que a história do passado se repetirá ao iniciarmos a obra de encerramento. Deve ser proclamada ao mundo toda a verdade que Ele tem dado para estes últimos dias. Cada pilar que Ele estabeleceu deve ser fortalecido. Não podemos agora afastar-nos do fundamento que Deus estabeleceu. Não podemos agora entrar em alguma nova organização, pois isso significaria apostasia da verdade. — Manuscrito 129, 1905.

COMENTARIOS RECENTES

    MORADA POSTAL

    Apartado 2400
    1109-001 LISBOA
    Website: http://www.asdmr.org
    Email: Clique aqui
    Este site usa cookies. Ao utilizar o site, está concordar com a utilização que fazemos das mesmas. Quer saber mais sobre cookies?