Adventistas do Sétimo Dia – Movimento de Reforma

Saúde física e pensamentos elevados

“Amados, exorto-vos, como peregrinos e forasteiros que sois, a vos absterdes das paixões carnais, que fazem guerra contra a alma. 1 Pedro 2:11.”

Muitos consideram esta admoestação como sendo aplicável apenas aos licenciosos; ela, porém, tem um significado mais amplo. Preserva de toda transigência danosa do apetite ou paixão. Todo apetite pervertido torna-se uma paixão assoberbante. O apetite nos foi dado com uma boa finalidade, e não para tornar-se o instrumento da morte ao ser pervertido, degenerando assim em “paixões que fazem guerra contra a alma”. A admoestação de Pedro é uma advertência muito direta e enérgica contra o uso de todos os estimulantes e narcóticos. Essas condescendências podem ser classificadas entre as concupiscências que exercem perniciosa influência sobre o caráter moral. — Christian Temperance and Bible Hygiene, 54.

Ninguém que professe piedade considere com indiferença a saúde do corpo, e se iluda com o pensamento de que a intemperança não é pecado e não afetará sua espiritualidade. Existe uma estreita afinidade entre a natureza física e a moral. O padrão de virtude é elevado ou rebaixado por meio dos hábitos físicos. O excesso na ingestão do melhor alimento produzirá um estado mórbido dos sentimentos morais. E, se o alimento não for o mais saudável, os efeitos serão ainda mais danosos. Qualquer hábito que não promova o perfeito funcionamento saudável do organismo humano degrada as mais elevadas e nobres faculdades. Os maus hábitos no comer e beber conduzem a erros no pensamento e ação. A condescendência com o apetite fortalece as tendências animais, dando-lhes ascendência sobre as faculdades mental e espiritual. — Conselhos sobre Saúde, 67.

A força da tentação para condescender com o apetite só pode ser medida pela inexprimível angústia de nosso Redentor naquele longo jejum, no deserto. Sabia Ele que a condescendência com o apetite pervertido de tal modo afetaria as percepções do ser humano que se não discerniriam as coisas sagradas. Adão caiu pela condescendência com o apetite; Cristo venceu pela negação do apetite. E nossa única esperança de reaver o Éden está no firme domínio próprio. — Conselhos sobre o Regime Alimentar, 167.

Ano Bíblico: Juí. 1.3. Juvenis: Jos. 5:10-15; 6.

Deixe uma resposta

COMENTARIOS RECENTES

    MORADA POSTAL

    Apartado 2400
    1109-001 LISBOA
    Website: http://www.asdmr.org
    Email: Clique aqui
    Este site usa cookies. Ao utilizar o site, está concordar com a utilização que fazemos das mesmas. Quer saber mais sobre cookies?