Adventistas do Sétimo Dia – Movimento de Reforma

Para a necessidade de hoje

Como os teus dias, durará a tua paz. Deuteronômio 33:25.

A promessa não é de que havemos de ter força hoje para uma emergência futura, de que a antecipada tribulação futura receberá de antemão a providência, antes que nos chegue. Podemos, se andarmos pela fé, esperar força e providência em nosso favor assim que nossas circunstâncias o exijam. Vivemos pela fé, não pela vista. As providências do Senhor têm a intenção de que Lhe peçamos justo as coisas de que necessitamos. A graça para amanhã, não nos será dada hoje. A necessidade dos homens é a oportunidade de Deus. … A graça de Deus nunca é dada para ser esbanjada, mal aplicada ou pervertida, ou para ficar enferrujando pela falta de uso. …

Enquanto vos estais desempenhando diariamente de responsabilidades no amor e temor de Deus, como filhos obedientes andando em toda humildade de espírito, força e sabedoria de Deus serão providas para enfrentardes toda circunstância difícil. …

Cumpre-nos manter-nos achegados dia a dia à Fonte de nossa força, e ao vir o inimigo como uma inundação, o Espírito do Senhor erguerá contra ele sua bandeira em nossa defesa. É certa a promessa de Deus, de que a força será proporcional aos nossos dias. Só podemos está confiantes quanto ao futuro na força que nos é dada para as necessidades presentes. … Não tomeis emprestadas ansiedades para o futuro. É hoje que nos encontramos em necessidade. — Manuscrito 22, 1889.

Muitos, porém, se preocupam pela antecipação de aflições futuras. Estão continuamente a trazer para hoje as preocupações de amanhã. Assim, grande parte de suas tribulações são imaginárias. Para estas, Jesus não tomou providências. Ele promete graça apenas para o dia. Manda-nos que não nos preocupemos com os cuidados e tribulações de amanhã. …

O Senhor exige que cumpramos os deveres do dia de hoje, e lhe suportemos as provas. Hoje, devemos vigiar a fim de não pecarmos por palavras e atos. Cumpre-nos hoje louvar e honrar a Deus. Pelo exercício de uma fé viva hoje, temos de conquistar o inimigo. Precisamos buscar hoje a Deus, e estar decididos a não ficar satisfeitos sem Sua presença. Devemos vigiar e trabalhar e orar como se este fosse o último dia que nos fosse concedido. Quão intensamente zelosa, então, seria nossa vida! Quão de perto seguiríamos a Jesus em todas as nossas palavras e ações! — Testemunhos Seletos 2:59, 60.

Deixe uma resposta

COMENTARIOS RECENTES

    MORADA POSTAL

    Apartado 2400
    1109-001 LISBOA
    Website: http://www.asdmr.org
    Email: Clique aqui
    Este site usa cookies. Ao utilizar o site, está concordar com a utilização que fazemos das mesmas. Quer saber mais sobre cookies?