Adventistas do Sétimo Dia – Movimento de Reforma

O significado do conflito

Mês de Dezembro: A vitória final da mensagem

Ninguém, de maneira alguma, vos engane, porque não será assim sem que antes venha a apostasia e se manifeste o homem do pecado, o filho da perdição, o qual se opõe e se levanta contra tudo o que se chama Deus ou se adora; de sorte que se assentará, como Deus, no templo de Deus, querendo parecer Deus (2 Tessalonicenses 2:3 e 4).

Não compreendemos como devemos o grande conflito que vai em andamento entre agentes invisíveis, o conflito entre os anjos fiéis e os infiéis. Bons e maus anjos contendem sobre todo homem. Isto não é uma luta fictícia. Não é um combate simulado esse em que nos empenhamos. Temos de enfrentar adversários poderosíssimos, e cabe a nós decidir quem ganhará. Cumpre-nos procurar nossa força onde os primitivos discípulos encontraram a deles.
Ao nos aproximarmos do fim do tempo, haverá maiores e sempre maiores demonstrações externas do poder pagão; deuses pagãos revelarão seu assinalado poder e se exibirão diante das cidades do mundo. E este plano já começa a cumprir-se. Por uma variedade de imagens representou o Senhor Jesus a João o caráter ímpio e a influência sedutora dos que se têm distinguido por sua perseguição ao povo de Deus. Todos carecem de sabedoria para pesquisar cuidadosamente o mistério da iniquidade que aparece tanto na finalização da história da Terra.
No próprio tempo em que vivemos, o Senhor chamou Seu povo e encarregou-o de proclamar uma mensagem. Chamou-o para expor a maldade do homem do pecado que fez da lei dominical um poder distintivo, que tem cuidado em mudar os tempos e a Lei e em oprimir o povo de Deus que permanece firme para honrá-lO pela observância do único sábado verdadeiro, o sábado da criação, como sendo santo ao Senhor. — Evangelismo, pp. 704 e 705.

Deixe uma resposta

COMENTARIOS RECENTES

    MORADA POSTAL

    Apartado 2400
    1109-001 LISBOA
    Website: http://www.asdmr.org
    Email: Clique aqui
    Este site usa cookies. Ao utilizar o site, está concordar com a utilização que fazemos das mesmas. Quer saber mais sobre cookies?