Adventistas do Sétimo Dia – Movimento de Reforma

O que são virtudes ativas?

Mês de Agosto:
Publicações — a obra por excelência 

Portanto, assim como em tudo sois abundantes na fé, e na palavra, e na ciência, e em toda diligência, e em vossa caridade para conosco, assim também abundeis nessa graça (2 Coríntios 8:7).

Precisam ser cultivadas as virtudes ativas, do mesmo modo que as passivas. O cristão, ao mesmo tempo que está sempre pronto para dar uma resposta branda para desviar a ira, precisa possuir a coragem de um herói para resistir ao mal. Com a caridade que tudo suporta, precisa ter a força de caráter que fará de sua influência um positivo poder para o bem. A fé precisa ser entretecida em seu caráter. Seus princípios precisam ser firmes; ele precisa ser de nobre espírito, acima de toda suspeita de indignidade. O colportor não deve ser cheio de si. Ao associar-se com os homens, não deve fazer-se notável, falando de si mesmo, jactanciosamente; porque por este procedimento haveria de desgostar pessoas inteligentes e sensatas. Não deve ser egoísta em seus hábitos, nem arrogante e imperioso em suas maneiras.
Muitos estão convencidos de que não têm tempo para ler um dentre dez mil dos livros que são publicados e postos à venda. E em muitos casos, quando o colportor torna conhecido seu trabalho, a porta do coração fecha-se firmemente; daí a grande necessidade de fazer seu trabalho com tato e num espírito de humildade e oração. Ele deve estar familiarizado com a Palavra de Deus e ter palavras a sua disposição para expor a preciosa verdade e mostrar o grande valor da leitura pura que carrega. — Testemunhos para a igreja, vol. 5, pp. 404 e 405.
O obreiro que tem a causa de Deus no coração não insistirá em receber os maiores salários. Ele não alegará, como alguns de nossos jovens têm feito, que não conseguirá compradores, a menos que possa ostentar uma aparência de acordo com a moda e elegante, e se hospede nos melhores hotéis. O que o colportor precisa não é do traje irrepreensível, ou da aparência do almofadinha ou do excêntrico, mas daquela honestidade e integridade de caráter que se reflete no semblante. A bondade e a gentileza deixam sua impressão na face e a vista exercitada não vê nenhum engano, não descobre nenhuma maneira pomposa. — Ibidem, p. 402.

Deixe uma resposta

COMENTARIOS RECENTES

    MORADA POSTAL

    Apartado 2400
    1109-001 LISBOA
    Website: http://www.asdmr.org
    Email: Clique aqui
    Este site usa cookies. Ao utilizar o site, está concordar com a utilização que fazemos das mesmas. Quer saber mais sobre cookies?