Adventistas do Sétimo Dia – Movimento de Reforma

Mistério de mistérios

Evidentemente, grande é o mistério da piedade: Aquele que foi manifestado na carne foi justificado em espírito, contemplado por anjos, pregado entre os gentios, crido no mundo, recebido na glória. 1 Timóteo 3:16.

Que mistério de mistérios! É difícil apreender nossa razão a majestade de Cristo, o mistério da redenção. A vergonhosa cruz se ergueu, os cravos Lhe perfuraram mãos e pés, a cruel lança Lhe dilacerou o coração, e foi pago o preço da redenção da raça humana. …

A redenção é um tema inesgotável, digno de nossa mais íntima contemplação. Sobrepuja a compreensão do pensamento mais profundo, o alcance da mais vívida imaginação. …

Estivesse Jesus conosco hoje, e nos diria, como disse aos discípulos: “Ainda tenho muito que vos dizer, mas vós não o podeis suportar agora.” João 16:12. Jesus anelava abrir ao espírito dos discípulos verdades vivas e profundas, mas sua terrenalidade, sua compreensão deficiente e anuviada o tornavam impossível. … A ausência de crescimento espiritual fecha a porta aos ricos raios de luz que resplandecem de Cristo. …

Os que têm laborado diligentemente nas minas da Palavra de Deus, e têm descoberto o precioso ouro nos ricos veios da verdade, nos divinos mistérios ocultos desde séculos, exaltarão o Senhor Jesus, a Fonte de toda a verdade, revelando em seu caráter o poder santificante daquilo que crêem. Jesus e Sua graça têm de ser entesourados no íntimo do santuário da alma. Então será Ele revelado em palavras, em oração, em exortação, ao ser apresentada a verdade sagrada. — Mensagens Escolhidas 1:403-405.

O mistério da cruz explica todos os outros mistérios. À luz que emana do Calvário, os atributos de Deus que nos encheram de temor e pavor, aparecem belos e atraentes. Misericórdia, ternura e amor paternal são vistos a confundir-se com santidade, justiça e poder. Enquanto contemplamos a majestade de Seu trono, alto e sublime, vemos Seu caráter em suas manifestações de misericórdia, e compreendemos, como nunca dantes, a significação daquele título enternecedor: “Pai nosso.” — O Grande Conflito entre Cristo e Satanás, 652.

Deixe uma resposta

COMENTARIOS RECENTES

    MORADA POSTAL

    Apartado 2400
    1109-001 LISBOA
    Website: http://www.asdmr.org
    Email: Clique aqui
    Este site usa cookies. Ao utilizar o site, está concordar com a utilização que fazemos das mesmas. Quer saber mais sobre cookies?