Adventistas do Sétimo Dia – Movimento de Reforma

Há um campo enorme para eu trabalhar

E dizia-lhes: Grande é, em verdade, a seara, mas os obreiros são poucos; rogai, pois, ao Senhor da seara que envie obreiros para a Sua seara (Lucas 10:2).

Há um vasto campo de trabalho tanto para mulheres como para homens. A cozinheira eficiente, a costureira, a enfermeira — de todos estes é necessário o auxílio. Que os membros de famílias pobres sejam ensinados a cozinhar, a costurar e consertar suas próprias roupas, a tratar dos enfermos e a cuidar devidamente do lar. Mesmo as crianças devem ser ensinadas a fazer pequenos trabalhos de amor e misericórdia pelos menos afortunados que elas. […] Trabalhem desinteressada, amável e pacientemente, por todas as pessoas com quem vocês entram em contato. Não mostrem impaciência. Não digam nem uma palavra inamistosa. Vocês devem deixar apenas o amor de Cristo em seus corações, e a lei da bondade em seus lábios. — The Review and Herald, 7 de agosto de 1913.
Há outros setores de trabalho. Alguns são aptos para ler as Escrituras e comunicar a outros o que cremos. Esses podem ser canais de luz e precioso conforto a algumas pobres almas desencorajadas que parecem incapazes de reter a esperança e exercer fé. Outros precisam procurar descobrir como podem dedicar-se à execução de pequenos trabalhos para o Senhor. Se aqueles cujo trabalho lhes toma a maior parte do tempo, exceto os domingos e feriados, em vez de despender esse tempo em seu próprio prazer, usassem-no como uma bênção para outros, estariam a serviço da causa de Deus. O exemplo de vocês ajudará outros a fazer alguma coisa que redunde em glória para Deus. Ouçam as palavras do inspirado apóstolo: “Portanto quer comais, ou bebais ou façais qualquer outra coisa, fazei tudo para glória de Deus”. Assim será levada na ativa vida diária de vocês um vivo princípio de ser bom e fazer o bem. […] Nem a todos será possível dar o seu tempo inteiro à obra, em vista de precisarem trabalhar para ganhar o seu sustento diário. Todavia esses têm os seus feriados e as ocasiões que podem dedicar à obra cristã, fazendo o bem desta maneira, se não podem dar muito de seus meios. — Carta 12, 1892.

Deixe uma resposta

COMENTARIOS RECENTES

    MORADA POSTAL

    Apartado 2400
    1109-001 LISBOA
    Website: http://www.asdmr.org
    Email: Clique aqui
    Este site usa cookies. Ao utilizar o site, está concordar com a utilização que fazemos das mesmas. Quer saber mais sobre cookies?