Adventistas do Sétimo Dia – Movimento de Reforma

Estudar Daniel e Apocalipse juntos

Daniel identificou-se com os pecados de Israel, e confessou os pecados do povo como seus próprios. Orou: “Ó Senhor, ouve; ó Senhor, perdoa; ó Senhor, atende-nos e age; não Te retardes, por amor de Ti mesmo, ó Deus meu; porque a Tua cidade e o Teu povo são chamados pelo Teu nome.” Daniel 9:19. Ainda assim, Gabriel, o mensageiro celestial, chamou-o três vezes de homem mui amado. … 

Como podemos deixar de ver quão intimamente está o universo celeste unido com este mundo caído? Essas comunicações feitas a Daniel deviam encher-nos a alma de reverência, humildade e mansidão, lançando ao pó o nosso orgulho. … 

Aqui se vê uma ligação maravilhosa entre o universo do Céu e este mundo. As coisas reveladas a Daniel foram posteriormente complementadas pela revelação feita a João na ilha de Patmos. Esses dois livros devem ser cuidadosamente esquadrinhados. Duas vezes perguntou Daniel: Quanto vai demorar até ao fim do tempo? “Eu ouvi, porém não entendi; então, eu disse: meu senhor, qual será o fim destas coisas? Ele respondeu: Vai, Daniel, porque estas palavras estão encerradas e seladas até ao tempo do fim. Muitos serão purificados, embranquecidos e provados; mas os perversos procederão perversamente, e nenhum deles entenderá, mas os sábios entenderão. … Tu, porém, segue o teu caminho até ao fim; pois descansarás e, ao fim dos dias, te levantarás para receber a tua herança.” Daniel 12:8-13. 

Foi o Leão da tribo de Judá quem abriu o livro e deu a João a revelação daquilo que seria nos últimos dias. Daniel seguiu seu caminho para apresentar o testemunho, que foi selado até ao tempo do fim, quando a mensagem do primeiro anjo devia ser proclamada ao mundo. Essas são questões de infinita importância nestes últimos dias. … O livro de Daniel foi aberto na revelação a João, e nos transporta para as últimas cenas da história da Terra. 

O caso de Daniel revela-nos o fato de que o Senhor está sempre pronto a ouvir as orações da alma contrita, e quando buscarmos ao Senhor de todo o coração, Ele nos responderá às petições. Aqui se revela onde Daniel obteve seu conhecimento e habilidade; e se tão-somente pedirmos de Deus sabedoria, poderemos ser abençoados com progressiva capacidade e com poder do Céu. Se formos a Deus assim como estamos, e a Ele orarmos com fé como o fez Daniel, veremos a salvação de Deus. Precisamos orar como nunca oramos antes. — Carta 59, 1896; Manuscript Releases 18:14-16.

COMENTARIOS RECENTES

    MORADA POSTAL

    Apartado 2400
    1109-001 LISBOA
    Website: http://www.asdmr.org
    Email: Clique aqui
    Este site usa cookies. Ao utilizar o site, está concordar com a utilização que fazemos das mesmas. Quer saber mais sobre cookies?