Adventistas do Sétimo Dia – Movimento de Reforma

É hora de fazer soar o alarme

Mês de Julho:
O papel da educação na obra missionária

Arvorai um estandarte na Terra, tocai a buzina entre as nações, santificai as nações […] (Jeremias 51:27).

Estamos nos aproximando do fim da história terrestre. Temos perante nós uma grande obra — a finalizadora obra de dar a última mensagem de advertência a um mundo pecaminoso. Homens serão tirados do arado, da vinha, de vários outros ramos de trabalho, e enviados pelo Senhor a dar ao mundo esta mensagem. — Testemunhos para a igreja, vol. 7, p. 270.
Soem o alarme pela extensão e largura da Terra. Digam ao povo que o dia do Senhor está perto, e se apressa grandemente. Ninguém fique por advertir. Poderíamos achar-nos no lugar das pobres almas que se encontram em erro. Poderíamos haver sido colocados entre os bárbaros. Segundo a verdade que recebemos mais que os outros, nós somos devedores quanto a comunicá-la. — Testemunhos seletos, vol. 2, p. 375.
Meus irmãos e irmãs, é muito tarde para dedicar seu tempo e forças a servirem a si mesmos. Que o último dia não encontre vocês sem o tesouro celestial. Procurem promover os triunfos da cruz, procurem iluminar almas, trabalhar pela salvação de vossos semelhantes, e sua obra resistirá à terrível prova do fogo. — Testemunhos para a igreja, vol. 9, p. 56.
Temos que proclamar essa mensagem com rapidez, mandamento sobre mandamento, regra sobre regra. Os homens serão em breve forçados a tomar grandes decisões, e nosso dever é cuidar de que lhes seja proporcionada a oportunidade de compreenderem a verdade, a fim de que se decidam inteligentemente pelo direito. O Senhor chama Seu povo para trabalhar — trabalhar zelosa e prudentemente — enquanto dura o tempo da graça. — Testemunhos seletos, vol. 3, p. 345.

Deixe uma resposta

COMENTARIOS RECENTES

    MORADA POSTAL

    Apartado 2400
    1109-001 LISBOA
    Website: http://www.asdmr.org
    Email: Clique aqui
    Este site usa cookies. Ao utilizar o site, está concordar com a utilização que fazemos das mesmas. Quer saber mais sobre cookies?