Adventistas do Sétimo Dia – Movimento de Reforma

Deixe as estacas bem firmes

Amplia o lugar da tua tenda, e as cortinas das tuas habitações se estendam; não o impeças; alonga as tuas cordas e firma bem as tuas estacas (Isaías 54:2).

Levantam-se igrejas e deixam-se cair enquanto novos campos estão sendo penetrados. Ora, essas igrejas são erguidas a muito custo em trabalho e recursos, e depois são negligenciadas e deixadas a desmoronar-se. Tal é a maneira por que as coisas acontecem agora. […] Espero que você considere as coisas com sinceridade, e não seja movido pelo impulso ou emoção. Nossos ministros devem ser educados e exercitados a fazer sua obra mais completamente. Devem concluir a obra, e não a deixar desmoronar-se. E devem cuidar especialmente dos interesses que despertaram em vez de se retirarem e nunca mais terem qualquer interesse particular depois de deixarem uma igreja. Tem-se feito muito disto. — Carta 1, 1879.
Não há ocorrência de suficiente importância para chamar um ministro que está atendendo a um interesse despertado pela apresentação da verdade. Mesmo doença e morte são menos importantes que a salvação de almas por quem Cristo fez tão imenso sacrifício. Os que sentem a importância da verdade, e o valor de almas por quem Cristo morreu, não abandonarão um interesse entre o povo por consideração alguma. Dirão: Deixem os mortos enterrarem os seus mortos. Interesses domésticos, terras, casas, não devem ter o mínimo poder de desviar do campo de labor.
Caso os ministros permitam que essas coisas seculares os distraiam da obra, a única direção que têm a seguir é deixarem tudo, não possuírem terras ou interesses seculares que exerçam influência em atraí-los da obra solene destes últimos dias. Uma alma é de mais valor do que o mundo inteiro. Como podem homens que professam haver-se consagrado à santa obra de salvar almas, deixar que suas pequenas posses seculares lhes absorvam a mente e o coração, e os impeçam de atender à elevada vocação que professam haver recebido de Deus? — Testemunhos para a igreja, vol. 2, pp. 540 e 541.

Deixe uma resposta

COMENTARIOS RECENTES

    MORADA POSTAL

    Apartado 2400
    1109-001 LISBOA
    Website: http://www.asdmr.org
    Email: Clique aqui
    Este site usa cookies. Ao utilizar o site, está concordar com a utilização que fazemos das mesmas. Quer saber mais sobre cookies?