Adventistas do Sétimo Dia – Movimento de Reforma

Conhecimento pessoal de Cristo

Quantos hoje vêem a Jesus Cristo, o Salvador do mundo, como Ele é? Quão poucos O conhecem! Quão poucos conhecem o Pai! Todos quantos conhecem a Cristo têm conhecimento do Pai. Uma das maiores bênçãos que podem sobrevir à humanidade caída é ver a Cristo como Ele é; o precioso Salvador, vê-Lo como Ele é! Quantos têm uma visão parcial de Jesus Cristo. Quantos O reconhecem como o Redentor do mundo, mas não O conhecem como Salvador pessoal; e isto é essencial — o conhecimento de Deus em Jesus Cristo. …

“E a si mesmo se purifica todo o que nEle tem esta esperança.” 1 João 3:3. Que esperança? Ora, a de ver a Jesus como Ele é, a fé viva que se apodera do braço do infinito Deus, a fé viva que recebe a Cristo como Salvador pessoal. Quem O conhece dessa maneira? Nenhum dentre todos os vislumbres casuais que você tiver de Cristo salvará uma única pessoa. Você O conhece pela viva ligação da fé?… 

Havia uma obra maravilhosa para que Ele realizasse, quando veio à Terra. Satanás conduzia as coisas como bem entendia. Reclamava o território terrestre como pertencente a ele, o príncipe do mundo. Cristo veio para disputar-lhe o poder e essa reivindicação. Cristo veio para resgatar a raça humana de seu poder opressivo. … O campo de batalha se encontrava exatamente aqui neste pequeno mundo; o conflito continuava entre o Príncipe da vida e os poderes das trevas. Qual deles triunfaria? Todo o universo celestial, todos os seres celestes, contemplavam a Cristo e tomavam conhecimento da batalha. Aqui estava Cristo disputando a autoridade de Satanás, e Satanás O seguia a cada passo, decidido a derrotá-Lo com suas tentações, decidido a cansar e exaurir a paciência e longanimidade de Deus para com a família humana, a fim de que pudesse arruinar todos os seus membros. … 

Seja qual for a sua fraqueza, [mesmo] tolhido por debilidades, em Deus há esperança para você. Nosso precioso Salvador veio para salvar totalmente a pessoa que vai a Ele. … Àqueles cuja mente se ocupa com os prazeres terrenos, Ele vem e ergue a voz de advertência, apresentando a eternidade; abre o Céu diante de você, o limiar iluminado e avivado com Sua glória, a glória que flui pela porta aberta. A porta está aberta de par em par, graças a Deus. — Manuscrito 86, 1894.

COMENTARIOS RECENTES

    MORADA POSTAL

    Apartado 2400
    1109-001 LISBOA
    Website: http://www.asdmr.org
    Email: Clique aqui
    Este site usa cookies. Ao utilizar o site, está concordar com a utilização que fazemos das mesmas. Quer saber mais sobre cookies?