Adventistas do Sétimo Dia – Movimento de Reforma

Apocalipse, um livro aberto

Muitos têm a ideia de que o livro do Apocalipse é um livro selado, e não dedicam tempo e estudo a seus mistérios. Dizem que devem continuar contemplando as glórias da salvação, e que os mistérios revelados a João na ilha de Patmos são dignos de menos consideração do que aquelas. 

Mas Deus não considera assim esse livro. Declara Ele: “Eu, a todo aquele que ouve as palavras da profecia deste livro, testifico: Se alguém lhes fizer qualquer acréscimo, Deus lhe acrescentará os flagelos escritos neste livro; e, se alguém tirar qualquer coisa das palavras do livro desta profecia, Deus tirará a sua parte da árvore da vida, da cidade santa e das coisas que se acham escritas neste livro.” Apocalipse 22:18, 19. … 

O Senhor revelou a Seu servo João os mistérios do livro do Apocalipse, e é desígnio Seu que eles se abram ao estudo de todos. Nesse livro são descritas cenas que agora estão no passado e algumas de interesse eterno que estão ocorrendo ao nosso redor; outras de suas profecias não receberão seu cumprimento completo até ao fim do tempo, quando acontecer o último grande conflito entre os poderes das trevas e o Príncipe do Céu. … 

Muitas das profecias estão por cumprir-se em rápida sucessão. Todo elemento de poder está para ser posto em ação. A história passada se repetirá; antigas controvérsias despertarão para uma nova vida, e o perigo cercará o povo de Deus por todos os lados. A intensidade toma posse da família humana. Permeia tudo sobre a Terra. E para quê? Esportes, jogos, divertimentos; as pessoas correm e se aglomeram e contendem pela supremacia. Aquilo que é comum e perecível lhes absorve a atenção, de modo que pouco pensam nas coisas de interesse eterno. {

Seres humanos, dotados de energia, zelo e perseverança, colocarão as faculdades que receberam de Deus em cooperação com o despotismo de Satanás para tornar nula a lei do Senhor. Impostores de todo nível e classe alegarão ser dignos e leais, e haverá uma exaltação daquilo que é comum e impuro em contraste com o verdadeiro e santo. Desse modo é aceito o espúrio, e o verdadeiro padrão de santidade rejeitado, assim como a palavra de Deus foi rejeitada por Adão e Eva em troca da mentira de Satanás. — Manuscrito 143, 1901.

COMENTARIOS RECENTES

    MORADA POSTAL

    Apartado 2400
    1109-001 LISBOA
    Website: http://www.asdmr.org
    Email: Clique aqui
    Este site usa cookies. Ao utilizar o site, está concordar com a utilização que fazemos das mesmas. Quer saber mais sobre cookies?