Adventistas do Sétimo Dia – Movimento de Reforma

A presunção é o princípio da ruína

Mês de Novembro:

Resultados garantidos

Porque haverá homens amantes de si mesmos, avarentos, presunçosos, soberbos, blasfemos, desobedientes a pais e mães, ingratos, profanos (2 Timóteo 3:2).

Precisamos de homens que fortaleçam e edifiquem a obra, não que derribem e procurem destruir o que os outros estão buscando realizar. Precisamos de homens e mulheres em quem Deus possa operar, cujo terreno do coração tenha sido lavrado e desterroado.
Não necessitamos de obreiros que precisem ser apoiados e conduzidos pelos que já se acham há muito na fé, que se consideram um todo perfeito. A esses, diríamos: “Fiquem onde estão”. Temos tido bastante que fazer com essa espécie de obreiros. Precisamos de obreiros que não se achem absorvidos no egoísmo, que não sejam presunçosos.
Os atributos do inimigo de Deus e do homem exprimem-se muitas vezes no espírito e atitude de uns para com os outros. Eles se ferem uns aos outros, porque não partilham da natureza divina; e assim trabalham contra a perfeição de seu próprio caráter. Trazem sobre si mesmos aflições, e tornam a obra árdua e penosa, porque consideram seu espírito e defeitos de caráter preciosas virtudes, a que se devem apegar, e que devem fomentar. […] Os homens tornam a obra de promover a verdade dez vezes mais difícil do que na realidade é, buscando tomar a obra de Deus de Suas mãos para as suas próprias mãos finitas. Pensam que devem estar constantemente inventando alguma coisa para levar os homens a fazerem aquilo que eles julgam que essas pessoas devem fazer. O tempo assim gasto torna sempre a obra mais complicada; pois o grande Obreiro Mestre é deixado fora da questão no cuidado de Sua própria herança. Os homens empreendem a tarefa de assoalhar o caráter defeituoso dos outros, e só conseguem tornar os defeitos muito piores. Melhor seria que deixassem a Deus o realizar a Sua própria obra; pois Ele não os considera capazes de reformar o caráter. — Evangelismo, pp. 634 e 635.

Deixe uma resposta

COMENTARIOS RECENTES

    MORADA POSTAL

    Apartado 2400
    1109-001 LISBOA
    Website: http://www.asdmr.org
    Email: Clique aqui
    Este site usa cookies. Ao utilizar o site, está concordar com a utilização que fazemos das mesmas. Quer saber mais sobre cookies?