Adventistas do Sétimo Dia – Movimento de Reforma

A Lei e o evangelho devem ser pregados juntos

Anulamos, pois, a Lei pela fé? De maneira nenhuma! Antes, estabelecemos a Lei (Romanos 3:30).

Não destaque os aspectos da mensagem que são uma condenação dos costumes e práticas das pessoas sem que elas tenham a oportunidade de saber que cremos em Cristo, que cremos em Sua divindade e em Sua preexistência. Insista no testemunho do Redentor do mundo. — Testemunhos para a igreja, vol. 6, p. 58.
Faça com que os estranhos percebam que pregamos tanto o evangelho quanto a Lei, e eles se alegrarão com essas verdades, e muitos se decidirão em prol da verdade. — Carta 1, 1889.
A Lei e o evangelho, revelados na Palavra, devem ser pregados ao povo; pois a Lei e o evangelho combinados convencerão as pessoas do pecado. A Lei de Deus, ainda que condene o pecado, aponta o evangelho, revelando a Jesus Cristo, em quem “habita corporalmente toda a plenitude da divindade”. O esplendor do evangelho reflete sua luz sobre a era judaica, dando sentido a toda a dispensação judaica de tipos e sombras. Assim, tanto a Lei quanto o evangelho estão fundidos. Não devem ser separados em nenhum sermão. — Manuscrito 21, 1891.
Os religiosos em geral separaram a Lei do evangelho, ao passo que nós, por outra parte, quase fizemos o mesmo sob outro ponto de vista. Não esclarecemos às pessoas quanto à justiça de Cristo nem quanto à ampla significação de Seu grande plano de redenção. Deixamos de lado a Cristo e a Seu amor incomparável, e introduzimos teorias e raciocínios, e pregamos argumentos. — Manuscrito 24, 1890.

Deixe uma resposta

COMENTARIOS RECENTES

    MORADA POSTAL

    Apartado 2400
    1109-001 LISBOA
    Website: http://www.asdmr.org
    Email: Clique aqui
    Este site usa cookies. Ao utilizar o site, está concordar com a utilização que fazemos das mesmas. Quer saber mais sobre cookies?